quarta-feira, 20 de julho de 2011

A comemoração


Ela tinha uma corda de caranguejo para limpar. Era muito pelo para raspar, melhor era adiantar e deixar tudo pronto. Olhava os bichos andando de ré e sorria, imaginando a comemoração.
Recebeu um torpedo: -Vamos dar uma fugidinha? Estou a fim de comer fora.
Correu para se aprontar, colocou a mesma roupa do dia em que se conheceram, o mesmo penteado e o mesmo perfume. Quis se fazer bonita, embrulhada para presente.
Foram para um lugar tranquilo, com um jardim suspenso, jantar à meia luz. Naquele dia ela teria direito a tudo, entrada, prato principal e sobremesa.  O cardápio completo de frente pra trás e de trás pra frente.
Ficou imaginando se iriam comer a comida do México, que ele queria tanto. Para ela era apimentada demais, ardia e ela tinha receio.  
Passaram a noite comendo bem e muito. Primeiro um consomé branco, recipiente cheio,que ela deixou derramar pela toalha que ficou toda melada. Riram muito despreocupados.  Foram para o prato principal, lingua ao molho de sei lá o quê, acompanhada de um embutido, duas batatas e outras coisinhas mais. Se fartaram e, entre um prato e outro, tomavam uma bebidinha, conversavam, rememoravam sua velha história.  Deixaram pra trás  um outro item do cardápio, com um óleo especial que eles não conseguiram comer. A comida a tinha deixado cheia de gases. Tinham ido com muita sede ao pote.
Fumaram uns cigarros enquanto ela quis um DR - coisas de mulher - e estragou a sobremesa. Ele se chateou, afinal era comemoração do aniversário do dia em que se conheceram.  Pediu desculpas, o abraçou e entregou o presente de menina. Queria deixar uma lembrança dela. 
Terminaram a farra e foram embora satisfeitos. Ela o deixou em casa, despediram-se carinhosamente, beijaram-se ainda pela janela aberta do carro. Sem muitas palavras e nenhuma promessa.
Ela foi para a dela, feliz, dormir e sonhar com o próximo encontro.

3 comentários:

Evanir disse...

Estamos distantes e ao mesmo tempo tão perto..
A amizade
que nos une pode vencer todas as distâncias.
Ela sim é mais forte que o tempo.
No decorrer da nossa existencia se vacilamos
em alguma coisa.
Seus verdadeiros amigos estão ali sempre
a seu lado mesmo se o Mundo conspire
contra você.
Hoje quero deixar um abraço através dessa telinha e dizer
te amo linda amizade por tudo que representa na minha vida.
Um beijo carinhoso,Evanir.
Tem o presente na postagem.
Amigos Para Sempre.

CEM PALAVRAS disse...

Evanir,
Recebi o seu comentário e agradeço por ele, apesar de achar que não seria endereçado a mim. De todo jeito, obrigado também por ter começado a me seguir hoje. A partir desse ponto poderemos um dia desenvolver uma amizade realmente linda.
Beijos

Mônica disse...

Eu fiquei apreciando daqui estas cenas todas que descreveu.
E é tyão gostoso a gente sair com amigos ou namoradas.
Fiquei com vontade de sai de casa, mas vou esperar minha irmãzinha pois aqui somos um bando de tres solteironas. Mamae que é viuva, andrea e eu.
Ainda bem que tem os sobrinhos e sobrinhas.
com carinho Monica